Espartilho: um objeto controverso.

amante-das-imagens-11.jpg

Via Amante das Imagens

O Espartilho continua sendo um dos objetos mais sexies que já vi.

O modelo pode variar,  mas a sensualidade que ele proporciona ainda é forte. Hoje, tecnologicamente avançados e confortavéis, podem ser usados tanto para sair por aí, compondo uma calça jeans e jaqueta, quanto como uma lingerie sexy, se acompanhado de cinta liga e meia 7/8, por exemplo.

O objeto foi criado por italianos e já foi responsável, no passado, pela morte de  mulheres por asfixia. Nesse sentido, trata-se de um objeto de repressão e culto, simultaneamente. Durante quatro séculos (XVI a XIX), sustentou o busto das aristocratas e burguesas, moldando-lhes o corpo até a deformação.

Nos primórdios de sua invenção, o espartilho tinha uma armação de ferro, que espremia o busto, muitas vezes ferindo-o. Os pequenos progressos dessa peça íntima apenas serviam para suavizar a rigidez do metal. A postura, contudo, deveria ser preservada às custas do esmagamento de costelas, do estômago e do plexo solar.

Talvez por isso haja uma extensa lista de mulheres mortas por asfixia, e tenha, mesmo, se associado à idéia de feminilidade a passividade, os freqüentes desmaios e a má digestão. “Contém os fortes, sustenta os fracos, reúne os dispersos”. O slogan na vitrine de uma loja revelava um apelo bem humorado à venda do produto.

Após a morte de Luís XIV, houve menos pressão quanto aos bustos femininos. Com o discurso contundente dos libertinos para o fim do jugo masculino sobre as mulheres, os decotes puderem ganhar maior evidência.

A partir do fim do século XVIII, as flexíveis barbatanas de baleia dão nova forma aos seios, comprimindo-os por baixo e salientando-os, como se escapassem do decote.  Para saber mais clique aqui.

O estilista Jean Paul Gaultier ficou famoso por tornar o espartilho algo moderno e elegante, ao criar os modelos usados por Madonna na turnê “Blond Ambition Tour”, em 1990. Segundo suas palavras: “Foi genial trabalhar com a Madonna. Em sua turnê Blond Ambition World Tour 90, misturamos a feminilidade de um espartilho com a idéia de poder de um costume pantalon masculin“.

E o encantamento continua, seja no imaginário, seja no real. O espartilho segue como objeto que retoma o desejo, a sensualidade, o controle, a liberdade e a escravidão. Tantos sentimentos contraditórios despertados por um só objeto.

Dizia Gustave Flaubert (Madame Bovary): “Esforço-me por entrar no espartilho e seguir uma linha reta geométrica: nenhum lirismo, nada de reflexões, ausente a personalidade do autor.” FLAUBERT, Correspondência, 1-2-1852. Apud BOSI, História Concisa da Literatura Brasileira

Anúncios

10 Respostas to “Espartilho: um objeto controverso.”

  1. Muito legal o texto, meu amor.

  2. O Espartilho é extremamente Sexy. Gostei do seu texto Chris.

    Beijão

  3. O espartilho é ou deve ser mais um fetiche do que um instrumento que molda o corpo para torná-lo mais sinuoso e gracioso. Comprime um pouco dos excessos da gula e ressalta as formas, contrastando a cintura mais fina com as ancas mais anchas (porque não mais largas!? – porque os poetas, especialmente os garimpeiros de palavras a usam!) e ajudando a empinar os seios. Mas cuidado: não se deve oprimir os seios! Talvez uma das revoluções mais importantes do século XX tenha sido a “Women Liberation”, simbolizada pelas mulheres que lutavam pela emancipação queimando os sutiens e as faixas de misses. Na década de 1960, quando a pílula anti-concepcional se disseminava e a luta pelos direitos iguais para homens e mulheres ganhava força crescente as mulheres libertaram suas emoções e se tornaram ainda mais atraentes.
    Uma das formas mais lindas da natureza é a do seio da mulher. A união da parte côncova (inferior) com a convexa (superior) é um “botão” que não se encontra nas flores!
    Os seios balançam (exceto os siliconados, forma em geral artificial que só deveria se adotar com prescrição médica controlada!) e fazem um movimento que parece independente do andar da mulher. Um homem não deve exigir da mulher o que ela não é: pequena ou grande, magra ou acima do peso, com seios fartos ou pequenos, é ela que o emociona, o excita, o faz se sentir mais completo. Embora a beleza seja fundamental – como dizia o poeta Vinicius – não é uma parte “assim” outra “assado” que faz a beleza, mas o conjunto (externo e interno).
    Mas voltando ao espartilho que não deve oprimir mas ressaltar as belas formas da mulher: o melhor dele são as tiras meio presas ainda e o desejo que despertam de soltarmos o corpo da mulher amada e desejada, para o nosso mútuo prazer!

  4. O espartilho é uma delicia de se usar… eu fiquei viciada nele um bom tempo… Conheces a Madame Sheer? foi onde mandei fazer o meu! bom preço por boa qualidade.
    Beijos
    Many

  5. Gostaria de saber quanto custa um espartilho e como faço para consegui um , pois moro no brasil , Brasília , ou algum lugar que possa comprar um espartilho

  6. Ola meu nomeé Suéllem tenho um estartilho começei a usar a 3 meses,
    percebi que minha cintura afinou bastante.
    Eu queria saber se o estartilho faz realmente algum mal pra saude
    por favor aguardo resposta no meu e-mail
    bjs e obrigada.

  7. quero saber se em jundiai te vendas de estartilho, adoraria ter uma, mas moro aqui em jundiai como faço apra ter uma obrigado

  8. oi, moro em brasilia, gostaria de saber algum lugar aqui que vende espartilhos, porque eu morro de medo de comprar coisas pela internet, Obrigada ! 🙂

  9. Mais um super post!!!!!! E aproveitando a questão da madonna e suas lingeries, convido a todos a darem uma olhada no post que publiquei há algum tempo no meu blog: http://sodelingerie.wordpress.com/2010/05/05/catfight-madonna-vs-lady-gaga/
    Espero que gostem tanto quanto eu gosto do Espartilho.
    Bjkas
    Nana

  10. OLA GOSTARIA DE SABER COMO FAÇO PRA PODER COMPRA UM ESPARTILHO,MORO EM BRASILIA DF…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: