A uma mulher amada

Via Amante das Imagens

A uma mulher amada

Ditosa que ao teu lado só por ti suspiro!
Quem goza o prazer de te escutar,
quem vê, às vezes, teu doce sorriso.
Nem os deuses felizes o podem igualar.

Sinto um fogo sutil correr de veia em veia
por minha carne, ó suave bem-querida,
e no transporte doce que a minha alma enleia
eu sinto asperamente a voz emudecida.

Uma nuvem confusa me enevoa o olhar.
Não ouço mais. Eu caio num langor supremo;
E pálida e perdida e febril e sem ar,
um frêmito me abala… eu quase morro … eu tremo.

(Safo)

(de “Clássicos do erotismo, vol. 2”)

Anúncios

6 Respostas to “A uma mulher amada”

  1. Menina… Seu blog é um perigo.
    Adoro vir aqui, mas de cara aparecer uma imagem dessas… Gente… To pedindo pra ser despedido… rs….

  2. Oiii,
    Parábens pelo blog, muito bom!
    Faz uma visitinha pra gente também:

    http://tdpersonalizado.blogspot.com

    Tem havainas super ultra personalizadas!
    Beijos

  3. Lindíssimo poema…

    “um frêmito me abala… eu quase morro … eu tremo”

    belíssima imagem… esse seu lugar é de beleza e bom gosto imensuráveis!

    b.e.i.j.o.s.

  4. Belo poema. Vc sabe agradar à todos.
    beijos

  5. Safo de Lesbos, a Princesa Safo. Clássico da poesia erótica.
    Boa escolha!!
    Beijos.

  6. Excelente post! Adorei o Blog, vou te linkar! Bjus

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: