Glúten e obesidade

Comprei recentemente e devorei o livro Glúten e obesidade, a verdade que emagrece, da Regina Racco.

Capa

O livro enfatiza os malefícios do Glúten no organismo, mesmo para pessoa não portadoras de doença celíaca. Para os celíacos, o glúten deve ser banido da dieta, pois ele provoca efeitos colaterais seríssimo a saúde dessas pessoas. Eu tenho duas amigas celíacas e até semana passada estava investigando se além da intolerância à lactose, também tinha intolerância ao glúten.

Depois de comprovado que não tenho intolerância por dois exames: o antiendomísio e antitransglutaminase que em mim deram não reagentes.

Entenda o que é a doença celíaca: trata-se de  uma intolerância permanente, isto é, por toda a vida, ao glúten. O glúten é uma proteína que está presente nos seguintes alimentos: trigo, aveia, centeio, cevada e malte.

A doença celíaca ocorre em pessoas com tendência genética à doença. Geralmente aparece na infância, nas crianças com idade entre 1 e 3 anos, mas pode surgir em qualquer idade, inclusive nas pessoas adultas.

Quais são os sinais mais comuns da doença? Podem variar de pessoa a pessoa, porém os mais comuns são:

  1. Diarréia crônica (que dura mais do que 30 dias)
  2. Prisão de ventre;
  3. Anemia;
  4. Falta de apetite;
  5. Vômitos;
  6. Emagrecimento;
  7. Atraso no crescimento;
  8. Humor alterado: irritabilidade ou desânimo;
  9. Distensão abdominal (barriga inchada);
  10. Dor abdominal;
  11. Perda de peso ou pouco ganho de peso;
  12. Osteoporose.

Regina Racco, no seu livro,  propõe uma dieta de 8 semanas para desintoxicar o organismo do glúten, que ela entende como vilão inclusive em organismos não intolerantes.  Segundo a autora,  alimentos contendo glúten levam 26 horas no trato intestinal, enquanto os que não apresentam essa proteína em sua composição levam 18 horas.

Ao chegar no meu gastroenterologista e conversar sobre o glúten, tendo meu exame dado não reagente, ele disse que não deveria exagerar. Em suas palavras, a retirada total do glúten da dieta só deveria ser feita em caso de diagnóstico de intolerância ou alergia. Mas eu tentarei reduzir em algumas coisas, por exemplo, comprei um macarrão de arroz (bifum) para fazer uma sala de atum com creme de leite de soja e ficou uma delícia.

Para quem quiser saber mais sobre a doença celíaca visite o site: Rio sem glúten.

Há também uma série de receitas sem glúten para se fazer em casa no livro e neste site. Receitas com massa alimentícia de arroz, Bifum.

Anúncios

6 Respostas to “Glúten e obesidade”

  1. Manuel de Souza Lima Says:

    Tenho intolerância ao glútem e as reações que tenho são uma dor abdominal intensa, quase insuportável, a formação de gazes que presos percorrem o organismo e prisão de ventre. O que estão fazendo com os alimentos , principalmente os industrializados, quanto a retirada ou substituição do glútem ?

  2. Gostei muito do alerta que dá também para pessoas que não são celíacas, na verdade o glúten não faz bem á saúde mas é importante que as pessoas saudáveis não radicalizem na sua alimentação. Em mim a doença apareceu depois de adulta e pude percebe-la a tempo, potanto toda informação é bem vinda!
    Paz e Sorte a todos!

  3. São informações necessárias, auxilia bastante às pessoas que não tem acesso a este tipo de coisa. Para mim foi ótimo tirei algumas receitas. O meu problema é obesidade, atualmente faço uma dieta com restrições a glútem e vai me ajudar bastante, pois preciso eliminar uns 20 kls, portanto tenho que ter variedades de pratos para não desanimar, pelo fato de não uso medicação para tirar o apetite. Muito obrigada

  4. Gostaria de lhe informar que sou celíaca, só descobri agora, com mais de 60 anos, e, que, quando fiz os exames, esses que vc fez, tb deram negativos. Só ficou comprovado pelo anti gliadina Igg
    e pela biopsia do intestino delgado, através da endoscopia. Espero não ser o seu caso, mas, não custa se certificar.
    Boa sorte!

  5. Elza Juvenil Cartolari Says:

    Eu , nunca fiz exames para ter certeza se tenho algum tipo de intolerancia , mas dsede criança sempre sofri muito com darreias´, vomito , dor de barriga , nauzeas, e cada vez que como pão, bolo e derivados passo mal eu quero saber que especialidade médica que devo procurar?

    • Elza, quando eu fiz, eu fui a um gastro e ele que solicitou os exames e monitorou os resultados a partir das minhas reações e dos números que apareceram nos resultados. Em alguns casos, as reações foram até mais determinantes do que o resultado numérico para que eu tomasse alguns cuidados com minha alimentação. Sugiro procurar um gastroenterologista. Sucesso e melhoras.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: