Arquivo de setembro, 2010

Caminhar é o melhor remédio

Posted in Estética e Beleza, Saúde with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on setembro 21, 2010 by Psiquê

Chrissie White

Depois de alguns meses abandonando a malhação por falta de tempo e excesso de trânsito, resolvi voltar a adotar há umas 3 semanas as minhas caminhadas matinais como exercício físico. Infelizmente não posso ir todos os dias, mas tenho caminhado por 1 hora 3 vezes na semana.

A sensação não poderia ser melhor. É muito bom colocar o corpo em movimento, mas confesso que ainda não senti os resultados. Quero secar, mas por enquanto, só consigo andar 3 vezes por semana e eu queria mais.

Li algumas reportagens sobre treinos de caminhada e estou pensando em tentar um programa que combina caminhada moderada/intensa com trotes. Será que funciona? A verdade é que passada a semana de comemorações do meu aniversário, do meu pai e do meu primo (são muitos setembrinos juntos!), é preciso voltar a andar nos trilhos para poder emagrecer.

Vamos ao benefícios da caminhada:  trata-se de uma atividade física perfeita, fácil e leve de desempenhar, capaz de proporcionar saúde, beleza, boa forma e muito mais: a caminhada. “É indiscutivelmente um dos exercícios mais eficientes, que pode ser praticado por qualquer pessoa, independentemente da idade ou do condicionamento físico”, garante o fisiologista e personal trainer Fábio Bernardo (SP) à revista Corpo a Corpo. Se realizado com freqüência – no mínimo três vezes por semana, durante 30 minutos -, torna- se eficaz para abandonar o sedentarismo, expulsar doenças e melhorar a qualidade de vida.

Democrático, o exercício pode ser realizado nas ruas da cidade, na esteira da academia ou até mesmo na areia da praia, em parques, etc.

Veja o treinamento proposto na Corpo a Corpo.

Veja o treino preparado sugerido na Boa Forma.

Segundo a matéria da revista Veja, mais importante do que o tempo de caminhada é a quantidade de passos que se dá nesse tempo, a qual deve ser medida através de um pedômetro.

Eu já estou correndo atrás de um pedômetro, mas enquanto não adquiro um, continuo caminhando durante uma hora pelo menos 3 vezes por semana.

Escolha a atividade que mais te dá prazer e siga quantas vezes por dia conseguir. Um beijo!

O Corpo

Posted in Curiosidades with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , on setembro 8, 2010 by Psiquê

 Cia de Dança Débora Colker

Os movimentos do corpo na dança sempre me fascinaram, quando as danças são mais contmporâneas me encantam ainda mais. O trabalho do Grupo Corpo e da Cia de Dança Débora Colker são destaques no Brasil e no mundo.

Grupo Corpo

No último final de semana tive a oportunidade de testemunhar o espetáculo 4 por 4, no Teatro João Caetano e apreciar mais uma vez os movimentos bem pensados e ensaiados de Débora Colker e seus bailarinos.

Mas o pioneiro nesse tipo de movimento foi o Grupo Corpo, que há 35 anos surgiu em Belo Horizonte e ganhou o mundo. No próximo final de semana é a vez deste grupo encantar o Theatro Municipal do Rio de Janeiro com suas performances.

Sobre os dois grupos, a Raiara Azevedo também escreveu:

“…Em 1975 nasce um dos principais representantes da Dança Contemporânea no Brasil, o Corpo. Nascido em Belo Horizonte, com o coreógrafo Paulo Pederneiras, o Grupo Corpo cresce e se torna a companhia mais bela e mais bem respeitada do país. O Grupo impressionou brasileiros e estrangeiros pela sua peculiaridade, caracterizado, por exemplo, por carregar a identidade do Brasil em suas danças, que retrataram desde o xaxado ao balé clássico. De lá pra cá , Belo Horizonte é só orgulho quando o assunto é dança.

Mais ou menos entre 2000 e 2002 a crítica fervia ao redor das “maluquices” de uma loura espevitada que achava que qualquer movimento era dança. Seus bailarinos escalavam paredes, pulavam freneticamente entre vasos, equilibravam-se em estruturas móveis e desafiavam o limite da gravidade. Débora Colker, uma coreógrafa carioca, hoje bastante respeitada (pela crítica também, diga-se de passagem) recebeu primeiramente o prestígio dos nossos colegas estrangeiros, para só depois ouvir elogios e aplausos no seu país.

(…)A história da Dança brasileira foi modificada pelo Grupo Corpo e pela ousadia coreógrafica proposta por Débora Colker e sua companhia, e não há argumentos que possam provar o contrário. Veterano, o Corpo conta hoje com mais de 30 anos de história, na qual já revelou grandes nomes como Cristina Castilho e inspirou milhões de platéias com os mais variados espetáculos, todos de uma beleza inenarrável. Colker anda pelo mesmo trilho. Com menos de 10 anos de história, a Companhia Débora Colker se consagrou mundo afora e também aqui dentro no seu território, cativando milhares de pessoas com uma proposta diferente de dançar . A “diretora do movimento, Débora Colker juntamente com o Grupo Corpo são a prova de que Belo Horizonte tem mais que tesouros guardados, e de que “o Rio de Janeiro continua lindo”. São motivos reais de orgulho diário, pelo talento e pela arte calcado num trabalho contínuo, duradouro.”

Se você tiver oportunidade assista a um espetáculo de cada companhia desta e sinta a vibração da dança e a energia desses movimentos. São encantadores!

E chegou setembro

Posted in Comportamento, Curiosidades with tags , , , , , , , , , , , , , , , , on setembro 4, 2010 by Psiquê

Audrey Hepburn

Chegou setembro, o mês que eu mais gosto no ano.

Mês das flores, mês da primavera gostosa, mês do meu aniversário e, neste ano, completo 30 primaveras.

A natureza se apresenta com mais alegria, as caminhadas matutinas são retomadas, o inverno se despede, mas ainda refresca a temporada. Tudo em setembro é mais gostoso

O mês já começa com as ideias para comemorar mais um aniversário e, assim, celebrar  a vida… Eu amo setembro!

Encontrei um texto sobre setembro, do prof. Luiz Marins, bem bonitinho.

Setembro chegou. Ligue a sua sensibilidade.

“Setembro é um mês especial. O inverno vai acabar. Os dias vão se tornar mais longos e as noites mais curtas. A natureza começará a mostrar sua face mais bonita e exuberante. As sementes escondidas pelo inverno brotarão numa explosão de vida.

Não deixe que este mês seja para você uma simples continuação do inverno. Aproveite setembro para aumentar sua sensibilidade em relação às pessoas, em relação à natureza, em relação à vida. Aproveite setembro para pensar mais, rever suas emoções, desabrochar sua criatividade, ser mais gentil, mais polido, mais gente.

Aproveite as tardes de setembro para caminhar, cismar, jogar conversa fora, visitar parentes e amigos esquecidos pela correria, pelos afazeres, pelos invernos da vida que nos fazem recolhidos pelo frio da insensibilidade e do egoísmo.

Aproveite setembro para desenvolver em seu trabalho um clima de amizade, cordialidade, espírito de time, de união. Proponha atividades de integração e de expressão artística que aumentem a sensibilidade de todos em relação aos clientes, fornecedores, comunidade. Setembro é muito propício para iniciar trabalhos com a comunidade que poderão se desenvolver até a grande confraternização do Natal.

Enfim, não deixe setembro passar em branco. Pinte o seu setembro das cores que a natureza oferece. Abra seus olhos para ver o verde, as flores a beleza da botânica de nossos trópicos. Abra seus ouvidos para ouvir o assanhamento dos pássaros ao entardecer. Redescubra em você a sensibilidade. Lembre-se que você é gente. Você não é uma máquina a serviço da sociedade de consumo que só vê prazeres nos bens materiais e se esqueceu das pessoas, da família e começa a perder o sentido da própria vida. Faça neste setembro um exercício de desembrutecimento.

Viva setembro! E viva com toda a força do verbo viver!”

Vamos então curtir cada dia de setembro felizes e esperançosos.

Aproveite o seu setembro!

Um beijo!