Rio + 20

Desde ontem, está no ar o site Agenda Total que reúne as primeiras informações sobre os eventos que acontecerão até o fim da Conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável (Rio+20). Vale uma pena dar uma olhada no endereço eletrônico para visualizar as diversas opções que a Conferência traz. É valido visitar também o site do Governo do Estado do Rio de Janeiro – www.rio20.rj.gov.br e o do Comitê Nacional Organizador (CNO) www.rio20.gov.br . A ONU também reúne informações em: http://www.onu.org.br/rio20/

Como chegamos até aqui – antecedentes:

Suécia – Estocolmo – 1972

Conferência de Estocolmo: realizada há quarenta anos, representou o primeiro grande passo em busca da superação dos problemas ambientais. Até então, era comum pensar que os recursos naturais eram inesgotáveis e que a Terra suportaria toda ação humana. Foi somente a partir da reunião de Estocolmo, a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente Humano, que a temática ambiental passou a integrar a agenda política internacional. Foi durante esta Conferência que se estabeleceu o dia 5 de junho como o Dia Mundial do Meio Ambiente.

Brasil – Rio de Janeiro – 1992 (Rio 92)

A Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento ou Rio-92, foi o maior evento realizado no âmbito das Nações Unidas até então. Delegados de 172 países e 108 chefes de Estado, além de 10 mil jornalistas e representantes de 1.400 ONGs, estiveram presentes no Riocentro, enquanto membros de 7 mil ONGs e boa parte da população do Rio de Janeiro, de várias cidades do Brasil e de outras partes do mundo reuniram-se no Fórum Global, no Aterro do Flamengo.

A Conferência do Rio consolidou o conceito de desenvolvimento sustentável, proposto pelo Relatório “Nosso Futuro Comum”, de 1987, que buscava superar o conflito aparente entre desenvolvimento e proteção ambiental.

Documentos que resultaram da Conferência: Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima, a Convenção sobre Diversidade Biológica, a Declaração de Princípios sobre Florestas, a Declaração do Rio sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento e a Agenda 21. Dois anos depois, foi assinada a Convenção das Nações Unidas sobre Combate à Desertificação.

África do Sul – Johanesburgo – 2002 (Rio+10)

A Cúpula Mundial sobre Desenvolvimento Sustentável reuniu mais de 100 Chefes de Estado e reafirmou metas relativas à erradicação da pobreza, à promoção da saúde, à expansão dos serviços de água e saneamento, à defesa da biodiversidade e à destinação de resíduos tóxicos e não-tóxicos.

Brasil – Rio de Janeiro – 2012 (Rio +20)

Na Rio+20, assim como ocorreu na Rio-92, espera-se pensar o futuro. Além de refletir sobre as ações adotadas desde 1992, deseja-se estabelecer as principais diretrizes para orientar o desenvolvimento sustentável pelos próximos vinte anos.

Vamos pensar o desenvolvimento sustentável e participar!

Veja mais detalhes sobre os locais da Conferência.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: