A expressão ‘eu te amo’

7026556-md
Hoje lendo a atualização do perfil do psicólogo Flávio Gikovate no Facebook, resolvi compartilhar com vocês:
A expressão “eu te amo” sai com dificuldade da boca de gente legal: ela implica um compromisso sério e por isso é dita só depois de certo tempo.
O “eu te amo” que é para valer até hoje costuma ser dito primeiro pelos homens e depois de uns 2-3 meses de convivência íntima bem sucedida!
As mulheres preferem ouvir o “eu te amo” depois de uma relação sexual: acreditam que, nessa hora, os homens estão sendo bem mais sinceros! …
O sedutor “profissional” sabe que as mulheres são mais sensíveis ao discurso romântico do que às conversas eróticas: tentam chegar por aí!
Os cafajestes são espertos e se valem da ingenuidade do parceiro para obter vantagens, tanto sexuais como as que os beneficiam no dia a dia.
A expressão “eu te amo“, para ser levada a sério, tem que vir acompanhada de um comportamento compatível: quem ama cuida muito bem do amado.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: