Arquivo para apertados

O silêncio

Posted in Poesia Erótica with tags , , , , , , , , , , , , , , , on dezembro 28, 2011 by Psiquê

O silêncio

Dos corpos esgotados que silêncio
tão apaziguador se levantava!

(Tinha uma rosa triste nos cabelos,
uma sombra na túnica de luz…)

Para o fundo das almas caminhava,
devagar, o sonâmbulo silêncio.

(Que apertados anéis nos braços nus!)

Mas o silêncio vinha desprendê-los.

Autoria: David Mourão Ferreira