Arquivo para lazer

Equilíbrio

Posted in Comportamento with tags , , , , , , , , , , , , on maio 24, 2015 by Psiquê

72e4ca62541a738733231e335b106e85

 

O equilíbrio é uma necessidade na vida de muitas pessoas, se não de todas. Nós mulheres somos muito cobradas em vários aspectos e quando alimentamos o sonho de ser bem sucedidas em todos os aspectos, a busca do equilíbrio diário parece, para mim, o melhor meio de encontrar a felicidade.

Quando me refiro a equilíbrio, quero dizer, dedicar tempo para todas as questões que envolve sua vida: o trabalho, o cuidado com o corpo e a saúde, o amor, a família…mas não é tão fácil assim…

Várias mudanças vêm acontecendo e isso acabou me tirando um pouco daqui, o que para mim, parece um erro…

Por outro lado, a busca do equilíbrio, é diário e a forma que entendo ser a melhor a não sucumbir às pressões desnecessárias que o dia a dia nos impõe.

Ainda não consegui adotar a prática diária da meditação, mas forço-me a pensar o máximo possível que o que importa é o momento presente, apesar de fazer muitos planos. Ao pensarmos no agora, reduzimos a ansiedade de querer cuidar do futuro, nos angustiando com aquilo que ainda não aconteceu…

Trata-se de um exercício constante…

Anúncios

O valor das coisas…

Posted in Comportamento with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on maio 8, 2013 by Psiquê

Michaelb Burke 7

Tenho andado, como devem imaginar, tão cheia de trabalho que quase não tenho tido tempo de fazer uma das coisas que mais gosto…

…atualizar meu querido blog Espartilho. Os dias de trabalho tem sido bastante intensos, com jornadas diárias superiores a 11 horas, porém as atividades envolvem também treinos funcionais às 6h da manhã, curso, yoga, encontro com amigos, shows, ou seja…algumas coisas muito boas, outras nem tanto assim, mas todas extremamente importantes para a minha vida, para a minha formação, meu crescimento…

Confesso que inverteria um pouco a ordem das horas de dedicação às várias atividades às quais me dedico atualmente para poder incluir um pouco mais de lazer, cinema, teatro, arte, dança, viagensssssssssssssssss, mas tudo tem seu tempo, nada é por acaso, e  tudo faz parte de nossa evolução…

Enfim…tenho muito a agradecer por tudo o que vivo e experimento e peço ao universo que continue conspirando a meu favor para que eu tenha sempre mais a agradecer.

Obrigada por me acompanharem nesta caminhada. Continuem sempre visitando, seguindo, comentando no Espartilho e expondo suas opiniões ao que coloco aqui, afinal, como sempre digo: o Espartilho também é seu.

2011: o ano!

Posted in Comportamento with tags , , , , , , , , , , , , on janeiro 19, 2011 by Psiquê

Lydie Pages

Que venha 2011!

2011 começou há 19 dias e este mês de janeiro tem sido usado para planejamento.

São novos os planos, as estratégias, as expectativas, as alternativas, as propostas, os sonhos…

Alguns antigos sonhos voltaram à tona, novas estratégias se configuram e o negócio é aproveitar cada segundo que resta desse janeiro para planejar, planejar, planejar. Depois o negócio vai ser se organizar, aproveitar toda e qualquer brecha de tempo e estudar, estudar, estudar. O mais importante é manter o equilíbrio para dosar as expectativas e o trabalho em busca da concretização desses sonhos sem esquecer da saúde, da família, do descanso, do lazer.

Como sempre começo meu ano cheia de esperança de novas conquistas.

Muito obrigada Senhor por todas essas bençãos!

Pare para pensar no que você quer para 2011 nesse comecinho de ano e corra atrás dos seus sonhos!

Chegou 2010!

Posted in Comportamento with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on janeiro 2, 2010 by Psiquê

Via Blogando por prazer

Começou mais um ano. E com ele, surgem esperanças renovadas, novos projetos e novas estratégias para alcançar todos os objetivos. 2009 foi maravilhoso e 2010 promete ser ainda melhor.

Quero falar um pouco sobre o significado do número 3, pois a soma de 2010 dá o número 3. E segundo a numerologia, esse é o número do crescimento.

Criatividade pessoal, Ação, Poder de persuasão, Iniciativa, Prestação de serviço. Simbolicamente o número TRÊS é a soma do UM com o DOIS, e é também o resultado harmonioso do efeito da união do UM sobre o aspecto da dualidade do DOIS. O ato criativo resolve o conflito da dualidade visto que o UM indica o “ser” e o DOIS representa o “ser ou não ser”, o número TRÊS vem caracterizar o “fazer”, quer se trate de criatividade pessoal, de ação, de iniciativa ou de prestação de serviço.

Há um sentido de plenitude no número TRÊS, onde quer que seja encontrado. Nas principais religiões mundiais, podemos encontrar Deus descrito de Três maneiras diferentes. Por exemplo, no Cristianismo o Pai, O Filho e o Espírito Santo – No hinduísmo o Brama (o Criador), Vixnu (o Defensor) e Xiva (o Destruidor). A criatividade pessoal é simbolizada pelo número TRÊS, e, quando existe um forte elemento deste número no nome de uma pessoa, pode esperar-se que ela realize e crie mais do que a média das pessoas. Como o número TRÊS simboliza a atividade em si, pode significar que uma pessoa com forte vibração deste número no nome atua em diversos campos. Normalmente estas pessoas tem dificuldade em exprimir-se e pode esperar-se dela atitudes agressivas, negativas e destrutivas.”  Veja mais aqui.

Também não poderia deixar de lado algumas previsões para meu tão querido signo de VIRGEM.

Características

As virginianas possuem uma capacidade instintiva de separar o útil do inútil. Críticas, gostam de colocar seus talentos a serviço dos outros. O problema é que focam tanto nos detalhes que podem se atrapalhar.

Regido por: Mercúrio
Pedras: Ágata amarela e citrino
Cores: Azul, preto e tons pastel
Flores: Açucena, cravo e jasmim
Perfumes: Lavanda e jasmim
Elemento: Terra

História

Deusa da colheita e da fertilidade, Deméter gostava de passear pela Terra. De um romance com Zeus ela teve uma filha, Perséfone. Certo dia, a moça chamou a atenção do senhor do subterrâneo, Hades, que a raptou. Furiosa, Deméter pediu a intervenção de Zeus. Este decidiu que Perséfone viveria nove meses com a mãe, na terra, e três meses com Hades, no reino dos mortos. A partir daí, quando sofre de saudade, Deméter não exerce sua influência sobre a natureza: é o inverno, época em que nada floresce.

Segundo o site MdeMulher, algumas previsões – coerentes, outras nem tanto – em diversas áreas dizem o seguinte:

Profissão

Você só se considera realizada quando se sente indispensável. Por isso, pode atuar como enfermeira ou terapeuta. Não deixe seu perfeccionismo prejudicá-la.

Se o chefe é virginiano: Se há um chefe paranóico por organização e a fim de saber tudo o que acontece ao seu redor, é esse. Quer aumento? Mande um e-mail enumerando pelo menos 12 motivos que provem seu merecimento. Provavelmente não funcionará na hora, mas ele vai adorar saber quanto é eficiente, detalhista e crítica. Quanto à sua criatividade, demonstre-a com modéstia, pois para ser reconhecida é mais importante ficar atenta aos pormenores. Ele não tolera descuido.

Dinheiro

Não costuma arriscar seu dinheiro. Separa uma parte do salário para não ser pega de surpresa. Ótimos parceiros: Leão, Peixes e Libra. Fuja: Touro e Virgem.

Família

A mãe virginiana considera que o erro faz parte do aprendizado. Tudo que você quer é que seu filho seja uma pessoa melhor. Mas evite impor tantas regras.

Mãe: Cumpre as obrigações e espera que os filhos cumpram as deles. Quanto mais organizados eles forem, melhor. Prestativa (às vezes em excesso), não sabe dizer “não” e fica triste quando não é reconhecida. Não há problema, dos filhos ou seus, que não tenha solução rápida. É prática para lidar com tudo. Tem tolerância de sobra, mas faz exigências e críticas com muita freqüência. Filhos criados? Dever cumprido. Um pouco mais de toque físico pode ser um passo para maior aconchego entre todos.

Saúde

Você se cobra demais e isso gera uma indisposição. Permita-se relaxar para prevenir uma gastrite.

Beleza

Gosta de manter um visual impecável, de quem acabou de sair do banho. Invista em uma boa limpeza de pele para ter um rosto de bebê.

Exercícios indicados: Preocupada, deve buscar atividades que gastem energia mas também relaxem, como ioga, tai chi chuan ou hidroginástica.

Dieta: Disciplinada e atenta, você pode – e deve – investir em uma reeducação alimentar.

Dicas: Como gosta da rotina, fica mais fácil cuidar da pele e dos cabelos se estipular dia e hora para passar hidratante, fazer tratamentos, etc. Atenção especial aos cabelos, que devem estar sempre limpos e brilhantes.

Cuidado: Beba muita água, especialmente para o intestino funcionar bem.

Agora que 2010 chegou, é tempo de pegar meu caderninho e listar todas as minhas metas para esse ano, lendo e relendo diariamente, buscando os meios de realizar todos os planos traçados. Sejam felizes e tenham muito sucesso neste novo ano!

Sapateado

Posted in Comportamento, Estética e Beleza, Saúde with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on agosto 12, 2009 by Psiquê
André Brito
André Brito

Pasmem, desde os 12 anos sonhava em dançar flamenco ou sapateado, mas nunca tive coragem de entrar no curso.

Eis que esta semana eu dei de presente o livro Pílulas de Neurociência para uma vida melhor para meu marido (um presente que eu já dei dizendo que ia tirar uma casquinha!) – de Suzana Herculano-Houzel.

O livro é ótimo e trata de uma maneira descontraída de vários assuntos que nos envolvem no dia-a-dia. Ele é divido em 10 seções: Sozinho, A dois, Em família, Em sociedade, Exercício & outros remédios, Lazer, Música, Decisões, Corpo & cérebro, Mente & espírito, com vários artigos cada uma.

2845983

Ao começar a ler o livro me deparei com a seção Sozinho e o artigo Prazer em aprender, no qual a autora fala sobre um desejo da filha em trocar as aulas de balé por sapateado e que ela resolveu seguir. Eis o relato  de sua experiência:

” Logo nas primeiras aulas já aprendemos a transformar o clop-clop desorganizado das chapinhas metálicas sob os sapatos nos sons ritmados dos passos mais básicos. (…) E então surgiu um problema inusitado: a vontade de passar o dia todo batendo ritmadamente os pés no chão. Até que eu me controlo, mas me vi com uma versão humana do pinguinzinho Happy Feet dentro de casa que não consegue manter os pés quietos sob a mesa de jantar e que , em vez de andar, sapateia – e de chinelos, daqueles bem barulhentos.”

“(…) O aprendizado depende ao menos de três fatores: repetição, base das mudanças sinápticas que implementam a nova maneira de agir, pensar ou sentir; retorno negativo, que informa quando se erra e é preciso tentar quando se fez a coisa certa que deve ser repetida no futuro”.

Desde então comecei a voltar a sonhar com os sapatinhos com chapinha e no andar ritmado de uma percursonista com os pés. Cheguei a visitar o blog: Divulgando o sapateado por aí e começarei minha semana  ligando para as academias mais próximas. Ai, ai, tomara que dessa vez eu aprenda uma modalidade sonhada que me dê prazer, paz, felicidade e boa forma.

Conflitos da vida moderna …

Posted in Casamento, Comportamento, Estética e Beleza, Saúde, Sexo with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on agosto 20, 2008 by Psiquê

Photo by Britta Meyerling

Às vezes me pergunto por que a vida moderna consegue ser tão atraente e tão cruel conosco. Não sei se ser mulher é mais difícil ou se a velocidade da vida na era tecnológica tem sido pesada e dura com todos os seres humanos. Continuo pensando que, com as mulheres, a coisa ainda é mais desafiadora, interessante, empolgante, mas também cruel e pesada.

Acho que estou numa fase de muito cansaço, muito trabalho e muitas pendências. Claro que isso acompanhado de muitas conquistas também, mas…quando bate a canseira.

Ser mulher é ótimo, mas é difícil aliar e conseguir levar todos os sonhos juntos:

  1. ser uma profissional de sucesso;
  2. uma mulher linda, sexy e atraente;
  3. ter saúde e beleza;
  4. manter a pele jovem e sedosa;
  5. cabelos brilhantes;
  6. manter as unhas bem feitas
  7. ser articulada e inteligente;
  8. construir um relacionamento gostoso, prazeroso e saudável;
  9. ser mãe dedicada;
  10. saber envelhecer;
  11. ter momentos de lazer;
  12. conseguir dar conta do trabalho e ainda escrever, publicar, se lançar no mercado;
  13. construir um casamento gostoso e feliz;
  14. conseguir dormir ao menos 8 horas por dia;
  15. acordar bem disposta e descansada;
  16. dar conta de alimentar meu blog;
  17. escrever artigos;
  18. estudar;
  19. fazer pós-graduação;
  20. entregar trabalhos no prazo;
  21. fazer cursos de atualização;
  22. manter-me tecnologicamente atualizada;
  23. comer bem;
  24. beber muita água;
  25. manter meu intestino funcionando;
  26. menstruar todo mês;
  27. entender que meu corpo tem limites;
  28. aceitar o cansaço mesmo quando preciso de mais força;
  29. superar as alergias e as conseqüências do estresse;
  30. conseguir ler todos os livros que quero;
  31. conseguir ler todas as revistas que quero;
  32. dar conta de ler os jornais;
  33. ter tempo para conversar com meus pais;
  34. ter tempo de andar no shopping;
  35. ter tempo de ir à praia e andar descalço na areia;
  36. ser feliz;
  37. ai, ai… e tudo o mais que envolve nosso mundo feminino!

Sem tempo …

Posted in Comportamento, Saúde with tags , , , , , , , , , , , , , , on maio 5, 2008 by Psiquê

Via Amante das Imagens

É impressionante como a vida moderna e as atribuições do dia a dia nos consomem tempo. Se não tomarmos cuidado sucumbimos à total escassez de tempo para as coisas da vida. Estou numa semana muito crítica e atarefada. Com uma carga horária maior, prazos chegando ao fim e ainda milhões de coisas para dar conta – vida pessoal, vida familiar, novas rotinas de trabalho, cursos, especializações, etc, etc. E ainda tem que arrumar tempo para atividade física, estética, planejamento, cuidados médicos, compras, aniversários, passeios, lazer. Calma, sei que são tantas as coisas, que parece que vamos enlouquecer. Mas manter a calma é fundamental.

Todas essas coisas me lembram um livro que ganhei: “Paz Interior para mulheres muito ocupadas” (Joan Borysenko). Na capa uma mulher com seis braços e alguns símbolos ao seu redor (família, bicicleta, coração, computador, casa e relógio). Socorroooo! Estou frenética. São 00.15h, já devia estar dormindo para acordar cedo e estou terminando um trabalho e escrevendo post ao mesmo tempo. Será que isso é um reflexo da vida moderna ou é coisa de mulher. Apesar de termos a louvável aptidão de fazer várias coisas ao mesmo tempo; manter a calma é fundamental para que essas coisas dêem certo, do contrário serão várias coisas mal feitas ao mesmo tempo.

Joan diz no livro: ” Se você dedicar ao menos 10 minutos por dia para fazer as práticas espirituais que aumentam a sua paz interior, o seu machado continuará afiado independentemente de todas as suas atividades.”

Isso tudo para desabafar com vocês que estou SEM TEMPO até para escrever aqui e que não queria deixar de ser fiel à periodicidade dos meus posts, mas se for preciso infelizmente terei que ser infiel

Um beijo. Boa semana! Amanhã começa uma nova fase, um novo mês, uma nova vida. A cada dia começamos – ou ao menos temos a oportunidade de começarmos – uma nova vida! Façam dela uma vida SEMPRE MELHOR!!!