Arquivo para maturidade

A mulher no amor depois dos 40

Posted in Comportamento with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on dezembro 26, 2016 by Psiquê

Este belo texto, publicado originalmente no A Mente é Maravilhosa, apesar de ainda não ter chegado aos 40, essa é uma reflexão importante para todas nós.

3023325

A mulher no amor depois dos 40

“Quando uma mulher toma a decisão de abandonar o sofrimento, a mentira e a submissão. Quando uma mulher diz do fundo de seu coração: ‘Basta, cheguei até aqui ’. Nem mil exércitos de ego e nem todas as armadilhas da ilusão poderão detê-la na busca de sua própria verdade.

Aí se abrem as portas de sua própria alma e começa o processo de cura. O processo que a devolverá pouco a pouco a si mesma, a sua verdadeira vida. E ninguém disse que esse caminho seria fácil, mas é ‘o Caminho’. Essa decisão em si abre uma linha direta com sua natureza selvagem, e é aí onde começa o verdadeiro milagre”.

– Mulheres que Correm com os Lobos. Clarissa Pinkola-Estés. –

16984_512250992284240_4190352820169626992_n

A mente e a alma têm seus próprios ciclos e estações que percorrem diferentes estados de atividade e de solidão, de procurar e encontrar, de descansar, de pertencer e, inclusive, de desaparecer.

Quando uma mulher amadurece, as relações com ela são diferentes. Inclusive a relação que ela tem consigo mesma vai um passo mais à frente.

Digamos que é perto dos 40 que a mulher sente uma necessidade que não pode deixar de atender: a de retornar a si mesma. Este é o ponto emocional no qual aprendemos a saudar nossas lembranças no momento oportuno, a dançar e a nos acalmar com elas.

É o momento no qual se ama a alma além de nossos erros e do terreno. A partir dessa idade, amando os nossos semelhantes, descobrimos um coração sereno com sangue ardente que nos ajuda a compreender que tipo de pessoa somos, com nossas forças e nossas fraquezas. Porque todos temos ambas e isso não é ruim, mas é precisamente o contrário.

A volta à casa da alma significa nos fazermos conscientes de tudo o que aconteceu em nossa vida anterior, e resolver aqueles conflitos criados nos ciclos prévios à maturidade.

O amor maduro

O amor maduro significa a união à condição de preservar a própria integridade, a própria individualidade.– Erich Fromm –

Não é fácil amadurecer no amor, mas quando conseguimos, nasce um grande amor por nós mesmos que se apoia na dignidade e no respeito. Esses valores, a partir de certa idade e certas vivências, costumam articular o restante dos afetos com os quais nutrimos nosso coração.

Uma mulher madura está mais à frente na sua capacidade de amor quando compreende que a verdadeira transcendência do sentir alheio se resume em como contempla a si mesma e as suas mudanças.

Com o passar do tempo, o mundo feminino irradia uma pureza que se vê ameaçada por uma sociedade corrupta que faz com que as mulheres corram para procurar um refúgio em si mesmas, não para fugir quando algo fica difícil, mas sim para enfrentar a dificuldade.

Então, elas percebem que sua verdadeira casa não está em nenhum lugar afastado do mundo, mas sim dentro delas mesmas. De alguma forma, o amor maduro é consequência de um processo de individualização que pode ser muito doloroso.

Pode ser que ele chegue antes ou depois, mas para todas nós é precedido de alguns anos de distração e falta de foco na nossa identidade emocional. Ou seja, esse “não saber onde estamos e qual é o nosso lugar no mundo” que todas conhecemos.

Seja por ingenuidade, por não prestar atenção ou por ignorância, o processo de maturidade nos faz perder uma pele que nos cobria, à qual nos aferrávamos com força.

Esse sofrimento pela perda de sua pele fez a mulher conviver durante um tempo com uma parte incompleta dela mesma, o que a ajuda a fortalecer a sua verdadeira cobertura emocional.

Quer dizer, este roubo se eleva em cada caso como a oportunidade de recuperar alguns tesouros tão únicos e próprios como são os dois pilares da liberação emocional: a determinação e o amor próprio.

Como resultado, a mulher alcança uma grande sabedoria que lhe faz viver e amar de maneira diferente, única e transcendente. De alguma forma, é capaz de se hidratar e de reconstruir a si mesma, se sentindo inteiramente completa no seu interior.

Como dizem, toda mulher respira uma vida secreta e uma força poderosa cheia de bons instintos, criatividade e sabedoria que encerra o grande poder de um território ainda sem explorar: o fantástico mundo da psicologia feminina.

 

Anúncios

Nossos Tempos

Posted in Comportamento with tags , , , , , , , , , , , on agosto 5, 2015 by Psiquê
Michaelb Burke 36

by Michael Burke

É impressionante a rapidez com que o tempo passa, as coisas mudam, as prioridades se alteram e os planos também. Eu acabo de me dar conta de que 2015 já passou da metade e parece que agora está começando. Tanta coisa mudou desde o seu início, mas como muitas destas mudanças independiam da minha vontade, somente agora, sinto-me mais apta a determinar os rumos que quero seguir: continuar meus planos e minha trajetória.

Eu gostaria inicialmente de agradecer por todos esses momentos de angústia e apreensão que passei nestes meses iniciais de 2015. Tem sido um ano de muitos balanços e de muitas transformações. Sinto-me realmente uma fênix, com mortes e transformações diárias, seguidas de renascimentos e reformulações. Dificilmente temos consciência, no momento em que vivemos tais angústias, que o momento seguinte será melhor, mais maduro, mais feliz…

Tenho certeza de que neste período em que não pude controlar as mudanças que se impuseram na minha vida, foi necessário fazer muitos balanços, os quais tenho mais condições de fazer agora. As escolhas acabaram se impondo, mas tenho, hoje, certeza, de que foram as melhores a se fazer.

Desejo um feliz 2015 – parte 2! Rsrs

Começo agora uma nova fase de redefinição de prioridades.

Ensinamentos da maturidade…

Posted in Comportamento with tags , , , , , , , , , , , on junho 3, 2013 by Psiquê

9f75f44d47040ebcc41888b38a84ca1c

Essa frase me chamou muito a atenção em um dia difícil, em que tive que lidar com pessoas medíocres, com papos medíocres, atitudes medíocres, falando mal umas das outras e me atrapalhando…partilho com vocês um minuto de reflexão, sobre a importância de não nos envolvermos com pessoas e atitudes assim.

Eis o que as sábias palavras que chegaram coincidentemente a mim falaram sobre a maturidade…

A maturidade vai te ensinar a olhar a vida com menos ilusão, aceitar com menos sofrimento, entender com mais tranquilidade e querer com mais vontade!!!!

Adorei! Fica a dica para refletir e praticar durante toda a semana.

Você é a sua melhor amiga

Posted in Comportamento with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on janeiro 6, 2013 by Psiquê

676597_58

A colunista Célia Pardi escreveu um artigo com título homônimo a este post, na edição 125 da Revista UMA, em que falava coisas muito interessantes a respeito da maturidade e da relação consigo mesma.

Por que é preciso alcançar a maturidade para realmente não ligar para um monte de inutilidades? É incrível como a gente gasta emoção e tempo com bobagens…”

No artigo, Pardi fala sobre um livro que lera da Shiley MacLaine, intitulado I’m Over All That – And Other Confessions. Um dos destaques que apresenta é sobre uma afinidade que adquirimos com o passar do tempo….com nós mesmas.

Como é essa relação com si próprio? Como nos vemos? O que achamos de nós mesmos? Como nos tratamos? Sou amorosa? Divertida? Exigente? Irritante?

“É muito maluco realizar, perceber, se dar conta de que você convive com você a vida inteira! Que companheira é você para você mesma? Já pensou nisso? Tem sido um exercício muito legal perceber o que eu gostaria de mudar em mim – torna-se um jogo desafiador conversar comigo, sendo a outra. (…) Neste jogo, entra, inevitavelmente, a palavrinha mágica que tanto ouvimos falar: autoestima. Que coisa gente, essa história de ter que aprender a se amar! Afinal, se somos a nossa mais longa companhia, é melhor que seja com amor, não é mesmo? Outro dia, uma amiga, cortou os cabelos bem curtinhos e depois me disse que chorou muito, pois se achava ‘tão feia’. ‘Será que a minha vida teria sido diferente se eu fosse bonita?’, perguntou ela. ‘Não sei’, respondi. E não sei mesmo, mas tenho a impressão de que não seria. Primeiro porque ela não é feia, segundo porque beleza e feiúra estão nos olhos de quem vê, e não no objeto olhado.

O que faz sua vida ser assim ou assado, só um  bom terapeuta pode ajudá-la a descobrir. Fiz terapia muitos anos e tenho certeza de que é uma das melhores coisas que podemos nos oferecer.”

Achei este texto um insight bastante interessante para se conversar consigo mesma, parar e reavaliar as atitudes e pensamentos que elevam ou derrubam sua autoestima. E repensar continuamente os níveis de exigência com o julgar de nossas atitudes, melhorando o que for necessário e mantendo o que está sendo bem feito.

Uma ótima semana a todos!!!

O lugar de cada um

Posted in Comportamento with tags , , , , , , on março 30, 2012 by Psiquê

Esta semana me deparei com uma frase bastante interessante: “Care about what other people think and you will always be their prisioner. ” Lao Tzu. Evidentemente que todos nós em algum momento, nos preocupamos com o que os outros pensam de nós, em sermos bem aceitos, em parecer belos e bem apresentáveis, etc.  Mas ser escravo da opinião dos outros é uma prisão que não trará felicidade a ninguém. Afinal, é impossível agradar a todos.

A autoconfiança é algo que se constrói com o tempo e com a maturidade, exercitá-la e buscá-la é sempre fundamental, mas é um exercício contínuo. Acredito que todos podem ser e estar o melhor possível, desde que respeitem seu estilo, seu corpo, seus limites, sua realidade.

Vejo muitas pessoas se comportarem como se fossem obrigadas a seguir estilos que aparecem nas revistas, na TV, nas ruas, sem se preocupar em adequar aquele estilo ao seu tipo de corpo, aos seus gostos, etc.  Isso é fundamental não apenas para se sentir bem e segura, como para viver da melhor maneira sem ferimentos e tentativas de se enquadrar em padrões que não nos pertencem.

Pensem nisso, acreditem em si mesmos!

Alimente-se bem e tenha saúde!

Posted in Comportamento, Estética e Beleza, Saúde with tags , , , , , , , , , , , , , on outubro 22, 2008 by Psiquê

Christina Kleber

Apesar de cética em relação à idéia de “vender KITs“, achei interessante algumas dicas encontradas no site da médica ortomolecular Heloísa Rocha .

Segundo o portal, alimentar-se é muito mais do que somente prover sua subsistência. Saborear uma deliciosa refeição pode ser uma forma de prevenção a inúmeras doenças. Basta escolher os alimentos corretos e ricos em substâncias que equilibrem o organismo, deixando-o mais saudável e aumentando a beleza exterior. Mas como se alimentar corretamente na correria de nosso dia-a-dia?

“Kit Sem TPM”

Os sintomas da TPM incomodam qualquer mulher, mas alguns deles podem ser reduzidos com uma dieta rica em fibras, cálcio e magnésio. Uma dieta balanceada, com uso de pouco sal e gordura, visa à melhora da retenção hídrica, típica desta fase, assim como o estresse emocional, a irritabilidade e o mau humor. Para suprir a falta das vitaminas e minerais necessários ao alívio da TPM, alimente-se de forma correta: com nutrientes necessários para um maior alívio durante este período.

“Kit Adeus Cansaço”

Sentir-se freqüentemente cansado, sem ânimo, compromete seu rendimento no decorrer do dia e já pode ser um sinal de fadiga. Além disso, a falta de algum nutriente em seu corpo pode deixá-lo mais fragilizado e propenso a distúrbios relacionados à imunidade. Neste caso, seu melhor aliado para o combate desses sintomas é uma nutrição adequada, que faça você sentir mais disposição e energia em suas atividades diárias. Com a alimentação balanceada você sentirá mais pique para suas tarefas, resultando em maior equilíbrio e bem-estar.

“Kit Maturidade”

Viver com qualidade e desfrutar o período que as mulheres passam a partir dos 40 anos da melhor forma possível. Esta é a proposta que se deve ter em mente na chegada da menopausa, mesmo com os sintomas desagradáveis e com as mudanças físicas inevitáveis. Por isso, elaboramos o Kit Maturidade, rico em cálcio, vitamina C, selênio e vitamina B6, que ajudam a prevenir a osteoporose, auxiliam na diminuição das “ondas de calor” e equilibram os níveis hormonais desta fase. Lembre-se: saúde e bem-estar sempre pedem a alimentação correta.

“Kit Rejuvenescimento e Longevidade”

Mente sã, corpo são. Há muito o que fazer para se ter longevidade com qualidade. E prevenir é a palavra-chave para este processo. Pesquisas apontam que doenças como câncer, diabetes e do coração têm suas causas atribuídas a uma alimentação falha de nutrientes. Inclui todos os ingredientes necessários para uma alimentação completa e balanceada, auxiliando em sua qualidade de vida. Comer bem é uma forma de refletir o viver bem. Por isso, o importante não é só garantir uma vida duradoura, mas sim com qualidade.

“Kit Cabelo, Pele e Unhas”

Você é o espelho do que você come. E é fundamental que a beleza venha de dentro para fora. Uma alimentação saudável reflete em uma pele viçosa, cabelos brilhantes e unhas fortes. Vitaminas e proteínas essenciais à beleza e à saúde devem estar no prato de quem quer se manter bonito e com vitalidade.

Fonte: Essentiale

Vá mais longe agradecendo

Posted in Comportamento with tags , , , , , , , , , , , , on abril 29, 2008 by Psiquê

Em vários livros que tenho lido sobre sucesso, conquistas, metas, crescimento pessoal, poder, entre outros temas correlatos; uma dica parece coincidir: para conquistar suas metas AGRADEÇA. E se pararmos para pensar um pouquinho é a mais pura verdade. Podem até achar que isso é coisa de maluco, mas no dia em que passei por uma tempestade e inconscientemente agradeci a Deus por não ter sido pior, tudo se resolveu da melhor forma, até o que parecia improvável aconteceu.

Sei que parece loucura dizer para vocês agradeçam na desgraça, mas passe a ver a vida como um aprendizado. Essa é a forma mais fácil de entender que precisamos agradecer pela vida a cada minuto, a cada pôr do sol, a cada brisa, a cada pingo de chuva, a cada momento.

Lembra-se do trecho que mencionei no post Pode quem pensa que pode? “Desde o amanhecer, ao acordar, sorria para o milagre da sua vida que continua; abra a janela e contemple as últimas estrelas brilhando no céu…”. Repita-o todos os dias.

Se você ainda não alcançou os resultados desejados, é porque existe um aprendizado pela frente. Assim, agradeça nas adversidades, pois ela o torna mais experiente e preparado para as conquistas vindouras. Só a maturidade nos permite reconhecer essa verdade. Às vezes, queremos tudo a tempo e a hora, mas se obtivermos as coisas no momento errado, podemos perdê-las para sempre em fração de segundos. Agradeça por sua vida todos os dias e terá ainda mais motivos para agradecer sempre.

Um grande beijo!