Arquivo para médico

As horas

Posted in Comportamento, Cultura e Arte with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on março 15, 2014 by Psiquê

115190,362,80,0,0,362,271,0,0,0,0

Hoje assisti ao filme As horas, e consegui entender as inúmeras excelentes recomendações que recebi da obra. O filme é excepcional, envolvente, emocionante e mexe com algo com o que nem sempre sabemos lidar: as emoções, os relacionamentos e a morte.

O filme fala da depressão e da maneira como se convive e se trata da mesma em diferentes cortes temporais: anos 20, anos 40 e século XXI. Um boa análise sobre a obra pode ser encontrada no site Omelete, leia As horas: o impacto da cultura na depressão.

“As três mulheres de As horas mostram o histórico de um modelo que, cada vez mais, é respeitado, embora antigo, repetido e, durante grande parte das últimas décadas, desprezado. É uma proposta de entendimento do sofrimento psíquico, uma invenção da medicina para concebê-lo, entendê-lo e tratá-lo. Parece simples, não?”

richard

“Cabe ainda uma última observação: é através do homem deprimido que estas mulheres falam. O masculino é o que age de maneira inexorável, frágil e vulnerável em seu insuportável sofrimento e visão de mundo. Com ele, saltam pela janela toda a esperança masculina de redenção e, no ato histérico de desaparecer, no dia de sua homenagem, fere a única mulher que ainda o ama e é sua amiga.”

20070803-as horas

As Horas, baseia-se no livro de Michael Cunningham, que, por sua vez, se inspirou no romance “Mrs. Dalloway” de Virginia Woolf. O enredo trata da história de três mulheres que carregam em suas vidas muitos sentimentos em comum, como a insatisfação e o fracasso.

São retratos de vidas em épocas diferentes, que se entrelaçam através de um livro, “Mrs. Dalloway”. É um filme de alma feminina, onde, nos artifícios da trama, outras mulheres se reconhecem no drama existencial de cada uma das personagens, humanizando assim o lado da ficção. Uma mulher que gostaria de ser uma personagem de um romance, uma que o escreve (a própria Virgínia Woolf), outra que o vive.

laura

Acompanhamos, dessa forma, um dia na vida dessas três mulheres. São três histórias em espaços temporais distintos, mas intercaladas na narrativa. Virginia Woolf é a escritora do livro, que afastada da vida agitada de Londres por seu marido, a conselho médico, percebe-se a cada dia, mais infeliz e amargurada. A mesma, é retratada na altura em que escreve o livro em questão, onde seus conflitos internos são repassados para a obra, inclusive o suicídio. A segunda mulher é Laura, dona de casa, esposa e mãe. Laura encontra-se desesperada dentro de um casamento onde os sentimentos são artificiais, pois embora viva num ambiente de tranquilidade e aparente felicidade, se sente vazia e cogita a morte para escapar da realidade da sua vida medíocre; ela está a ler o livro de Virgínia Woolf, o qual reforça sua ideia de evasão e suicídio. A terceira é Clarissa, uma bem sucedida editora, mulher cosmopolita do século XXI, vive um relacionamento lésbico de longa data e se identifica paradoxalmente com Mrs. Dalloway. Tudo o que Clarissa deseja no momento é que sua festa em comemoração a atribuição de um importante prêmio à obra poética de Richard, seu melhor amigo e ex-amante dê certo. Richard encontra-se debilitado pela AIDS e vive fechado em um apartamento frio e sujo. No meio dos preparativos, Clarissa pressente o vazio daquela arrumação fútil e o peso das horas.

123.tif

Uma das cenas iniciais do filme mostra as três mulheres se levantando ao amanhecer, concomitantemente, quando Virgínia escreve, Laura lê e Clarissa fala a mesma frase: “acho que eu mesma vou comprar as flores”, e uma outra cena onde vemos o suicídio de Virgínia, retratado de forma simbólica, mas muito forte. Com isso, percebemos que “cria-se logo no início da narrativa de Wollf, um paralelismo entre Celebração e desencanto, festa e morte” (AZEREDO, 2004).

O desespero das três mulheres vai crescendo com o passar das horas, horas sempre iguais, horas sem nenhuma esperança de mudança, sem nenhuma ansiedade, só a ansiedade provocada pelo nada. Solidão, infelicidade, doença, identidade e realização sexual (nas três tramas as personagens beijam outra mulher na boca), e principalmente a morte.

As lutas e sofrimentos vivenciados pelas três mulheres são universais. As horas… os momentos… as decisões que tomamos. Talvez nos encontremos nas situações extremas de cada uma das personagens; cada uma delas lutando para dar um sentido à suas existências e ser simplesmente feliz. Três mulheres presas no tempo e no espaço, nos seus próprios espaços, nas suas vidas. Ao ser levantado o tema da morte, das escolhas, da sexualidade, das decisões, vemos que as personagens descobrem que nem sempre a vida é aquela que esperamos, nem sempre as horas são diferentes. O que são essas horas até perceberem que as perderam para sempre?

A emoção limite, que nos leva a tomar decisões e fazer escolhas que modificam a nossa vida para sempre. Vale a pena assistir!

Anúncios

Como lidar com a ansiedade pela estagnação do peso…

Posted in Estética e Beleza, Saúde with tags , , , , , , , , , , , , , , on novembro 4, 2013 by Psiquê

cae8763608fa880427b172e83c91529b

 

O blog Receitas Dieta Dukan, trouxe uma matéria bem legal para agirmos quando a perda de peso começa a perder velocidade. Compartilho com vocês o texto:

Quem nunca passou por momentos de ansiedade porque a balança travou?

Como descobrir o que está havendo?

Aqui vão algumas dicas que podem ajudar:

Criar um diário alimentar: Todos os dias, anote exatamente o que consome, sem pular ou esquecer as menores coisas. No outro dia faça uma avaliação disso. Com certeza encontrará as respostas. Pode ser em uma agenda ou um caderno.

Tire uma foto: assim que começar a dieta dukan e use para comparar todo mês com uma foto nova. Garanto que isso será de grande incentivo para continuar. Se você já está há algum tempo na dieta, bata a foto mesmo assim! Dentro de um mês compare e se surpreenderá.

Utilize a fita métrica: Às vezes retemos líquidos, e isso contribui para a falsa impressão de estagnação. Se as roupas continuam folgando, como não estamos perdendo peso? Diminua o sal e evite alimentos com muito sódio. Invista em autodrenagem linfática ou compre pacotes em clínicas estéticas. Valerá a pena!

Faça exercícios físicos: Uma coisa é certa; o emagrecimento é composto 70% por dieta e 30% de exercícios físicos.

Não exagere nos alimentos tolerados: O próprio nome já é uma dica, então não consuma muito. Em contrapartida, beba muita água, isso ajudará em todo processo. Chás diuréticos como cavalinha, verde e dente de leão ajudam muito a evitar a retenção liquida.

Se você é mulher, como vai seu ciclo menstrual? Se estiver desregulada isso pode atrapalhar também, então visite seu médico. Durante o período que vai desde a TPM até a menstruação, pode haver uma retenção de líquidos que acarretará em até 2 quilos a mais na balança. Mas não se desespere! No término, o peso volta ao normal.

Quantas refeições está fazendo por dia? Esqueça a informação errada de que para emagrecer é necessário parar de comer ou fechar a boca, pois é preciso que se alimente muito bem, no máximo a cada 3 horas. Se reduzir demais a alimentação, seu organismo entenderá que deve reduzir o gasto calórico por que você está passando por algum problema.

constipação também atrapalha a perda de peso. Siga o conselho do Dr. Dukan e utilize o farelo de aveia e o farelo de trigo diariamente. Se não resolver a prisão de ventre, utilize o óleo mineral laxativo que pode ser encontrado em qualquer farmácia. Se os sintomas persistirem, procure seu médico.

O importante é não desanimar quando as dificuldades aparecerem. Não permita que a ansiedade pela demora da perda atrapalhe o processo de emagrecimento. Pense nos quilos que já eliminou e siga em frente!

Fonte: Receitas Dieta Dukan

Outubro Rosa 2010

Posted in Comportamento, Estética e Beleza, Saúde with tags , , , , , , , , , , , , on outubro 24, 2010 by Psiquê

Todos os meses, jornais e agências de notícias apresentam novos estudos sobre como evitar o câncer de mama e, principalmente, de que formas tratá-lo. Em outubro, pelo terceiro ano consecutivo, a blogosfera se une para promover a Campanha Outubro Rosa, que há dez anos dedica o mês inteiro para campanhas de prevenção e conscientização, com ações no mundo todo.

Neste mês fiz, pela primeira vez, uma mamografia. Completei 30 anos e o ginecologista no check up periódico resolveu incluir  a dita cuja na listade exames solicitados. Ele alegou que apesar da importância do autoexame, a mamografia e a ultrasonografia são insubistituíveis para detectar algum nódulo ou agente estranho. Então lá fui eu fazer o exame .

Mulheres de todas as idadevisitem seu médico e façam os exames solicitados!

É possível encontrar no site Mulher Consciente e no site da FEMAMA – Federação de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da mama, algumas das programações e reflexões sobre o tema que estão acontecendo durante esse mês de outubro.

Já falamos desse movimento aqui no Espartilho em algumas ocasiões. Para quem quiser recordar:

Outubro: concientização contra o câncer de mama (2008)

Mulher consciente contra o câncer de mama: o Esparitlho apoia! (2009)

Quem também fez um post bem bacana sobre o tema e listou alguns dos blogs envolvidos nessa campanha foi a Sam Shiraishi, do A vida como a vida quer.

Não se esqueça o quanto vale

Posted in Comportamento with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on junho 2, 2010 by Psiquê

Hoje recebi uma mensagem muito bonitinha por email. Achei tão legal que resolvi até partilhar com vocês. Como estou em clima de descanso, já que vou passar 4 dias fora do ar, deixo aqui um recadinho para todas as mulheres desse mundo.

UM DEFEITO NA MULHER

Quando Deus fez a mulher já estava em seu sexto dia de trabalho fazendo horas extras.

Um anjo apareceu e Lhe disse: ‘Por quê leva tanto tempo nisto?’

E o Senhor respondeu: ‘Já viu a minha ficha de especificações para ela?’

Deve ser completamente lavável, mas sem  ser de plástico, ter mais de 200 peças móveis e ser capaz de funcionar com uma dieta de qualquer coisa, até sobras, ter um colo que possa acomodar quatro crianças ao mesmo tempo, ter um beijo que possa curar desde um joelho arranhado até um coração partido e fará tudo isto somente com duas mãos.’

O anjo se maravilhou com as especificações:  ‘somente duas mãos….Impossível!’ E este é somente o modelo básico?

É muito trabalho  para um dia…Espere até amanhã para terminá-la.’

Isso não, protestou o Senhor. Estou tão perto de terminar esta criação que é favorita de Meu próprio coração.

Ela se cura sozinha quando está doente e pode trabalhar jornadas de 18 horas.’ O anjo se aproximou mais e tocou a mulher.

‘mas o Senhor a fez tão suave…’

‘É suave’, disse Deus, mas a fiz também forte. Você não tem idéia do que pode agüentar ou conseguir.

‘Será capaz de pensar?’ perguntou o  anjo.

Deus respondeu: ‘Não somente será capaz  de pensar, mas também que raciocinar e de negociar’

O anjo então notou algo e estendendo a mão tocou a bochecha da  mulher….

‘Senhor, parece que este modelo tem um vazamento…

Eu Lhe disse que estava colocando muita coisa nela…’

‘Isso não é nenhum vazamento… é uma lágrima’ corrigindo-o  o Senhor..

‘Para que serve a lágrima,’ perguntou o anjo.

e Deus disse: ‘As lágrimas são sua maneira de expressar seu destino, sua pena, seu desengano, seu amor, sua solidão, seu sofrimento, e seu orgulho.’

Isto impressionou muito ao anjo ‘O Senhor é um gênio, pensou em tudo. A mulher é  verdadeiramente maravilhosa’

Sim é!

A mulher tem forças que maravilham aos homens.

Agüentam dificuldades, levam  grandes cargas, mas têm felicidade,  amor e  alegria.

Sorriem quando querem gritar.

Cantam  quando querem chorar, choram quando estão  felizes e riem quando estão nervosas.

Lutam pelo que crêem.

Enfrentam à  injustiça.

Não aceitam ‘não’ como resposta quando elas crêem que há uma solução melhor.

Privam-se para que a sua família possa ter.

Vão ao médico com uma amiga que tem medo de ir.

Amam incondicionalmente.

Choram quando seus filhos triunfam e se alegram quando seus amigos ganham prêmios.

Ficam  felizes quando ouvem sobre um nascimento ou um casamento.

Seu coração se parte quando morre uma amiga.

Sofrem com a perda de um ente querido, entretanto são fortes quando pensam que já não há mais forças.

Sabem que um beijo e um abraço podem ajudar a curar um coração partido.

Entretanto, há um defeito na mulher: É que ela, as vezes, se esquece o quanto vale.

Quem ama cuida.

Posted in Comportamento, Saúde, Sexo with tags , , , , , , , , , , , on fevereiro 21, 2008 by Psiquê

homem.jpg

Assintindo o programa da TV Record,  Hoje em Dia acabei mudando completamente o tema do post de hoje. Resolvi escrever sobre um tema de grande importância para os homens, acreditando que o público do Espartilho – homens e mulheres – devem atentar para essa questão grave.

O doutor Paulo Egydio (urologista), foi convidado ao programa para falar sobre Próstata. Em 2008, a previsão é de 500 mil novos casos de câncer no Brasil. A maioria será de pele, em seguida serão os de próstata e de mama com 50 mil novos casos cada um. Estima-se que 1 a cada 6 homens sofram coma doença.

Pode-se diagnosticar a doença por exame de sangue e exame de toque – o que assussta muitos homens por preconceito. São 50 mil novos casos por ano diagnosticados pelo exame de toque. A cura, entretanto, pode ser alcançada em 90% dos casos, principalmente se diagnosticados em sua fase inicial. Mas para isso, é preciso ir ao médico regularmente.

O que mais me chamou atenção foi a frase do médico Paulo Egydio, em que destacou o seguinte problema: as mães levam suas filhas ao ginecologista bem cedo, mas os pais não levam os filhos ao urologista desde cedo e com isso doenças mais simples como a varicocele (varizes no testículo), por exemplo, que muitas vezes são desenvolvidas na adolescência (15% dos casos), só são detectadas muito tarde. O diagnóstico preventivo pode tratar o problema tranqüilamente sem que se chegue aos 30 anos e o homem tenha que passar por vários estresses para engravidar sua parceira, por exemplo.

O toque funciona como o toque nas mamas que as mulheres desde cedo fazem quando visitam o ginecologista. O urologista deve ser o médico de referência do homem como a mulher tem um ginecologista como médico de referência.

Outra informação que surpreendeu foi um caso em que o paciente sentia dores na coluna, tomou analgésico e quando foi ao urologista estava com câncer de próstata metastásico, pois o primeiro lugar que ele espalha é para os ossos. Só que ele nunca tinha feito exame antes.

Deve-se instituir no homem a necessidade de fazer exame urológico, mesmo sem sintomas. Para examinar testículo, varicocele e câncer, entre outros.  Vários casos de câncer de próstata no início, não apresentam sintomas e podem ser curados se detectados com antecedência.

Mulheres incentivem os homens de sua vida a visitar o urologista regularmente como nós visitamos o ginecologista. Mães/Pais levem seus filhos desde cedo ao médico, assim como levam suas filhas ao ginecologista.

Importante: a maior incidência de câncer de próstata está nos países desenvolvidos e principalmente em função de alimentação rica em gordura. Portanto, mantenham uma alimentação balanceada com pouca gordura e rica em produtos com licopeno, presente em frutas vermelhas: tomate, goiaba, melancia, etc. O selênio também previne e está presente na castanha do pará.

Para saber mais sobre: Varicocele ; PróstataInfertilidade Masculina