Arquivo para peso ideal

Seu corpo, seu templo, sua responsabilidade!

Posted in Comportamento, Estética e Beleza, Saúde with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on fevereiro 24, 2014 by Psiquê

51d3dcbfae1827b820f60198b692dddf (1)

Muitas vezes escuto as pessoas reclamarem que precisam comer coisas saudáveis e não gostam, que estão com sobrepeso, mas não conseguem parar de comer doces, gorduras, frituras, pães, refrigerantes, açúcares diversos…

Somos responsáveis por tudo o que fazemos com nosso corpo, e apesar de muitas vezes não estarmos imunes ao estresse e à correria do dia a dia, podemos sim, exercer nosso controle sobre aquilo que ingerimos, sobre o movimento que fazemos com o corpo, sobre hábitos bons e ruins aos quais nos submetemos.

Há alimentos que tenho total consciência que não me fazem bem e que, se não posso, eliminá-los, posso ao menos reduzi-los. Tudo aquilo que ingerimos refletirá na saúde do nosso corpo!

Se bebemos água, sucos naturais, frutas, alimentos saudáveis e com pouco ou nenhum glúten, produtos com baixo teor de lactose (principalmente nos casos de intolerância a estes dois últimos itens), sei que meu corpo reagirá muito melhor…Então por que insistir em comer farinha demais, ingerir bebidas alcoólicas em excesso, comer açúcar e gordura além da conta, se meu corpo fica muito melhor sem esses ingredientes?

É preciso ter consciência de que somos responsáveis por aquilo que ingerimos e pelo que queremos do nosso corpo. As sensações que buscamos, a saúde que almejamos, o bem-estar que desejamos depende de tudo aquilo que consciente ou inconscientemente oferecemos ao nosso corpo.

Não adianta nos encher de alimentos que sugam nossa energia e nossa saúde e querer ter uma boa digestão, boa circulação, o intestino funcionando bem, a pele livre de acne e alergias. Se queremos manter boa saúde, peso ideal, pernas sem inchaço, eliminar a retenção de líquido, manter o intestino funcionando bem, ter um sistema digestivo em bom funcionamento, precisamos atentar para aquilo que colocamos em nosso corpo.

Quando entendemos que devemos tratar nosso corpo, como nossa morada, nosso templo, nosso refúgio, teremos consciência de que somos totalmente responsáveis por tudo o que colocamos nele e consequentemente pelas reações que ele apresenta.

É fundamental assumir a responsabilidade por tudo aquilo que fazemos com o nosso corpo para termos uma relação melhor com ele. A vida é feita de escolhas e muitas vezes, é uma questão de mudança de perspectiva e de hábitos. Se sei que algo me traz uma satisfação imediata, mas logo trará mal estar, arrependimento, má digestão, gases, asia, dores de cabeça ou dores em geral, por que abrir mão de me sentir bem no longo prazo?

Vamos pensar a respeito? Que hábitos saudáveis você tem para compartilhar conosco?

5888f1106b681a17edbebcf1f9dd1df1

Leia também:

Seu corpo – seu templo

Nosso corpo, nosso templo

O corpo é seu templo

Seu corpo, templo de sua alma

Seu corpo, seu templo, seu prazer

Em cada dieta um propósito

Posted in Estética e Beleza, Saúde with tags , , , , , , , , , , , , , , , , on abril 23, 2008 by Psiquê

Photo by Martin Zurmuehle

O portal Bolsa de Mulher trouxe uma matéria muito interessante sobre vários tipos de dieta, intitulada Em busca do corpo ideal, texto de Ariane Bomgosto. Há dieta para emagrecer, para ganhar massa, para enrijecer, todas elas com frequências e combinações próprias de injestão de alimentos. A hidratação, como já foi dito inúmeras vezes aqui no Espartilho, é fundamental em todas as diferentes vertentes.

As recomendações são claras: muitas fibras e redução no sal para quem quer emagrecer; mais carboidratos e proteínas para quem quer ganhar massa muscular. Já para quem quer diminuir a flacidez (enrijecer), a dica é primeiro atingir o peso ideal, evitando alimentos gordurosos, industrializados e açúcares. Neste último caso, dê preferência a alimentos ricos em vitamina A (encontrados em: vegetais de cor laranja e folhas verde-escura – como cenoura, caqui, brócolis, espinafre, rúcula) e a grãos integrais, carnes magras e leite, que são fontes de vitaminas do complexo B e auxiliam na integridade da pele.

Vou reunir aqui algumas dicas apresentadas no texto, para a redução da gordura localizada e combate à flacidez e outras para enrijecer a musculatura.

Como combater a flacidez e a gordura localizada

  1. Consuma menos calorias e reduzindo principalmente a ingestão de gorduras e alimentos gordurosos. Substitua algumas carnes vermelhas por carnes brancas de peixes ou aves. Prefira ingeri-los grelhados, cozidos ou assados, em lugar de fritos;
  2. Prefira frutas no lugar de doces e evite principalmente os mais gordurosos e muito calóricos (recheados, creme de leite, chantilly, chocolate). Caso não resista a adoçar a boca prefira doces feitos de frutas;
  3. Evite os molhos gordurosos, preferindo sempre os mais simples, como o de tomate, por exemplo;
  4. Prefira alimentos integrais, que ricos em fibras e regularizam o intestino, auxiliando na excreção do excesso de gorduras e colesterol da dieta;
  5. Evite ingerir sal em excesso, pois tal prática retém de líquido no organismo;
  6. Mastigue bem os alimentos, para que o processo digestivo seja mais lento e a sensação de saciedade aumenta;
  7. Faça várias refeições ao dia em pequenas porções, isso facilita a digestão. Seu apetite será menor e o organismo mandará menos reservas para os depósitos de gordura.
  8. E a clássica dica: Beba pelo menos 2 litros de água por dia para melhorar a circulação e seu o funcionamento do intestino.

Agora as dicas de como aumentar a massa muscular:

  1. Alimente-se depois do exercício, pois ajuda na recuperação de seus músculos e repõe as fontes de energia;
  2. Tente fazer de 5 a 6 refeições por dia: café da manhã, lanche, almoço, lanche, jantar e um lanche antes de dormir. O fracionamento ajuda no controle do apetite;
  3. Evite ficar mais de 2 horas em jejum;
  4. Coma devagar e mastigue bens os alimentos, para melhorar a digestão;
  5. Prefira os carboidratos. Massas e pães são ótimas fontes energéticas. Mas dê preferência aos pães integrais, pois além de nutritivos, são ricos em fibras e vitaminas do complexo B;
  6. Incremente os lanches com cereais integrais, aveia, linhaça, etc;
  7. Adicione passas, castanhas, torradinhas às saladas;
  8. Aumente gradativamente a quantidade dos alimentos nas refeições, para que aumente a capacidade de armazenamento do estômago;
  9. Evite “beliscar” antes das refeições principais, isto pode afetar seu apetite.