Arquivo para superação

Outubro é rosa

Posted in Comportamento, Saúde with tags , , , , , , on outubro 12, 2015 by Psiquê

outubrorosa_0

Como todos os anos, o Espartilho lembra que outubro é rosa

Outubro é o mês em que lembramos da necessidade de prevenção ao câncer de mama que é o que mais mata mulheres no mundo, mas que tem grandes chances de cura e superação se diagnosticado precocemente.

Visite seu ginecologista regularmente, observe-se e faça o autoexame sempre que possível.

Se você tem uma história de superação para compartilhar conosco, fique à vontade. Essa luta é de todas nós.

Namastê.

Anúncios

Eternamente, Frida Kahlo

Posted in Cultura e Arte, Curiosidades with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on abril 16, 2015 by Psiquê

“No tengo dolores. Solamente cansancio… y como es natural muchas veces desesperación. Una desesperación que ninguna palabra puede describir. Sin embargo tengo ganas de vivir.” Frida Kahlo

slide_359553_4010190_compressed

Frida Kahlo é, para mim e para muitos, uma inspiração…um exemplo de superação, de luta pessoal e política. Deixou sua marca em várias gerações. Recentemente o Museu Oscar Niemeyer em Curitiba, recebeu uma exposição com imagens dela, lamentavelmente não pude testemunhar, mas existem vários meios de reencontrar um pouco de sua história hoje. Se puderem assistir ao filme Frida, de 2002, parte de sua trajetória é retratada. Um pouco das tragédias pelas quais passou e superou, o relacionamento com Diego Rivera, o caso com Leon Trotsky, etc.

Eu declaro aqui minha enorme admiração por Frida.

slide_359553_4010191_compressed

“Única e intensa, Frida Kahlo pode ser considerada uma mulher a frente de seu tempo e cheia de vida – mesmo com todas as dificuldades que precisou enfrentar, desde doenças a traições – e se tornou, ao longo dos anos e até depois de sua morte, um ícone das artes e do universo feminino. Veja a seguir algumas razões para admirar Frida:

1. Viu beleza nas tragédias – irremediáveis – da vida

A inspiração de Frida para suas pinturas e fotografias, vieram de suas angústias e dificuldades em lidar com sua própria condição. Quando criança, Frida contraiu poliomielite que deixou uma lesão no seu pé esquerdo, e ganhou o apelido de ‘Frida perna de pau’. Mais tarde, em 1925, a artista sofreu um acidente em que teve múltiplas fraturas e precisou fazer 35 cirurgias. Foi nesse período, em que ficou presa à sua cama e com problemas na coluna, que começou a pintar e retratar suas angústias e frustrações em suas criações. A biógrafa Hayden Herrera, no livro “Frida – A Biografia”, cita uma fala da artista que demonstra a vontade de viver:

“Por eu ser jovem”, ela disse, “o infortúnio não assumiu o caráter de tragédia: eu sentia que tinha energias suficientes para fazer qualquer coisa em vez de estudar para virar médica. E, sem prestar muita atenção, comecei a pintar.”

2.Transformou suas deficiências em estilo

Cheias de cores e ricas em elementos florais, as roupas de Frida Kahlo viraram tendência e ícones de estilo e até ganharam exposição e livro só para elas. Enquanto, na verdade, sua autenticidade era uma forma de esconder suas deficiências provocadas pelo acidente, em 1925, e pela poliomielite que teve quando pequena, que deixou sequelas em seu pé esquerdo. Seus sapatos, inclusive, eram adaptados exclusivamente para ela, com um salto maior do que o outro para nivelar sua altura. Seus ‘corpetes’, na verdade, eram coletes ortopédicos.

3. Escolheu viver com intensidade um amor cheio de defeitos

Na maioria de suas obras, Frida se autorretratou: as angústias, as vivências, os medos e principalmente o amor incondicional que sentia pelo marido, o pintor e muralista mexicano mais importante do século 20 Diego Rivera, com quem se casou em 1929. Mesmo com uma relação complicada enquanto casal e rodeada de traições de ambas as partes, foi ele que ajudou Frida a revelar-se como artista.

4. Sofreu três abortos

Após muitos altos e baixos na carreira e na vida com Diego Rivera, Frida sofreu três abortos, enquanto tinha a esperança de ser mãe e constituir uma família completa ao lado do marido.

5. Teve uma perna amputada

Com o tempo, Frida foi ficando mais sensível e seu estado de saúde também. Em 1950, em decorrência da poliomielite que teve na infância, os médicos diagnosticaram a amputação da de sua perna esquerda, o que a fez entrar em depressão. Mesmo assim, a artista continuou a pintar: uma de suas últimas obras foi “Natureza Morta (Viva a Vida)”.

6. Viveu um romance escondido com Leon Trotsky

Amigos de revolucionários da época, Frida e Diego chegaram a abrigar um dos ícones da revolução russa em casa: Leon Trotsky, sua mulher e netos foram acolhidos pelo casal. O que é menos sabido é que Trotsky e Frida tiveram um romance que durou quase um ano e havia recém terminado quando Rivera o descobriu.

7. Era para ter se formado médica

Frida tinha um destino traçado: antes de começar sua carreira nas artes, ela cursava faculdade de medicina no México. Mas sua relação com as artes vinha desde pequena, quando, seu pai, Guillermo Kahlo, fazia pinturas autorais para passar o tempo.

8. Morreu aos 47 anos

Na madrugada do dia 13 de julho de 1954, Magdalena Carmen Frida Kahlo y Calderon foi encontrada morta dentro de casa. Ela tinha 47 anos. As últimas palavras foram encontradas em seu diário: “Espero alegre a minha partida – e espero não retornar nunca mais”. O caderno com diversas anotações secretas da artista virou livro.

9. Foi capa da revista Vogue

Em 2012, A Vogue México deixou de lado as modelos para sua capa de novembro e estampou a publicação com ninguém menos que a pintora Frida Kahlo (1907-1954). Quase 60 anos após a morte da artista mexicana, com imagem feita pelo fotógrafo Nickolas Muray, Frida estampa pela primeira vez a capa de uma revista de moda.

10.Mexer nos pertences de Diego e Frida era proibido

Após a morte da pintora, Diego Rivera exigiu 15 anos de segredo para os pertences do casal. No entanto, ele morreu três anos depois e deixou Dolores Olmedo, uma colecionadora de arte, como administradora de seu acervo e ela se recusou a dar acesso às peças até para o Museu Frida Kahlo. Somente após sua morte, em 2004, os objetos foram desbloqueados e formaram a exposição sobre as roupas e pertences de Frida nunca antes vistos pelo público.

Este texto foi escrito com base no original de divulgação da exposição no museu Niemeyer, veja aqui.

Um beijo e boa leitura.

Crossfit

Posted in Comportamento, Estética e Beleza, Saúde with tags , , , , , , , , , , , on outubro 23, 2013 by Psiquê

964bf27d5845f8d7a4c60305db5ce853

Há cerca de 7 meses eu estou fazendo um treinamento funcional que segue os conceitos do Crossfit. E estou amando!!!

Recentemente comecei a seguir a dieta Dukan, coletivamente no trabalho, e no início, confesso que senti um pouco de dificuldade de segui-la dada a excessiva restrição de carboidratos na fase inicial de ataque e do intenso e maravilhoso treino que pratico.

Hoje ao ler o blog Dieta Dukan, que já venho acompanhando desde o início de outubro,  vi que algumas fases podem, sim, ser combinadas com o treinamento funcional de crossfit. Sou a favor, entretanto, de aos poucos ir voltando para minha alimentação saudável anterior, reduzindo a ingestão de laticínios, que não me fazem bem. Assim que atingir minha meta de peso, voltarei à minha dieta normal.

O mais interessante do treinamento Crossfit é o conceito de superação dos nossos próprios limites.

Veja a matéria do blog:

SUPERE OS SEUS LIMITES COM O CROSSFIT

Desde 2012 o Crossfit virou febre – essa modalidade começou como tantas outras: lançada por celebridades que viraram adeptas da prática, depois em academias de luxo e agora totalmente difundida. E o mais importante, com resultados!

MAS AFINAL, O QUE É O CROSSFIT?

Antes de mais nada, não é uma novidade: o treinamento foi criado na década de 90 nos Estados Unidos, com o objetivo de juntar em uma única modalidade exercícios que combinem benefícios de vários esportes, como musculação, levantamento de peso e ginástica olímpica.

A carga de treinamento é exaustiva, com o objetivo de melhorar o condicionamento físico e com isso, a queima de gordura é uma consequência. O treinamento inclui atividades de alta intensidade, pausas curtas, trabalho de vários grupos musculares ao mesmo tempo – mas tudo isso em um treino curto.

Vale dizer que essa é a regra básica do programa, e o que muda de acordo com o praticante é a carga e a intensidade, mas não o treinamento. Com isso, o esporte se torna bastante democrático para todos, desde atletas profissionais, militares e até idosos ou cardiopatas. Em todo o treinamento há um instrutor, ou “coach”, em inglês, orientando o processo.

COMO O CORPO REAGE À PRÁTICA DO CROSSFIT?

O corpo, exigido ao máximo, gera uma maior resposta neuroendócrina, que basicamente quer dizer uma resposta do nosso corpo frente ao exercício intenso. Essa resposta pode ser queima de gordura, aumento da densidade óssea, aumento da massa muscular, potência, força e equilíbrio, entre outros. E por gerar esse resultado em um espaço curto de tempo, o Crossfit está sendo bem recebido e se tornando bastante popular.

O clima de treinamento também é bem diferente – e há quem diga, para melhor – do que as academias convencionais. Um quadro na parede aponta os resultados de cada participante, de modo que cada um encare si mesmo como um desafio, e dessa forma seja estimulado a ultrapassar sua própria marca.

CROSSFIT X DIETA DUKAN:

Quem tem interesse em testar os seus limites não vai se arrepender – o que não faltam são provas de quem já tem resultados visíveis em pouco tempo. Mas fica o aviso: mesmo que a Dieta Dukan tenha como um dos principais pilares a prática de exercício, procure fazer o Crossfit a partir da fase cruzeiro e apenas nos dias PL, ou a partir da fase de consolidação e estabilização, já que o treinamento é muito intenso e o corpo precisa de uma carga de carboidratos para suportar a demanda de energia. Uma consulta ao médico antes de se aventurar nos halteres é bastante recomendada, também!

Você que já praticou crossfit recomenda? Quais foram os seus resultados?

Fonte da matéria: Crossfit, a moda que chegou para ficar, clique aqui.

Surpresas!

Posted in Comportamento with tags , , , , , , , , , , on agosto 18, 2011 by Psiquê

E quando achamos que já vimos de tudo, a vida vem e nos  surpreende, então percebemos que somos muito mais fortes e admiráveis do que pensávamos e sentimos vontade de rir das peças que ela prega! Somos testados o tempo todo, o que nos faz crescer e nos fortalecer ainda mais. Deus nos dê forças para seguir em frente e sermos cada vez maiores e mais capazes!

A superação é uma conquista diária e cada etapa vencida traz um gosto doce e compensatório aos nosso dias. Por isso, é fundamental ter em mente que devemos sempre nos amarrar a uma meta, não a pessoas ou a coisas.

Tenha isso em mente! Busque ser o melhor sempre, pois essa é a essência e a única coisa que realmente importa e fica.